Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Os Meus Quarenta!!!

Eu... os meus filhos... a minha família e a minha vida... as receitas cá de casa e outras coisitas que surgirem no meu caminho!

Os Meus Quarenta!!!

Eu... os meus filhos... a minha família e a minha vida... as receitas cá de casa e outras coisitas que surgirem no meu caminho!

Seg | 09.03.15

Arroz de Pato no Tacho

 

Cá em casa gostamos muito de arroz de pato. Eu pessoalmente gosto muito tostadinho no forno, mas tenho um filho que não gosta e surgiu então este arroz de pato no tacho.

 

 

Ingredientes: 

 

1 pato inteiro com pele (e miúdos de preferência)

1 laranja

1 limão

3 cravinhos da índia

ramo de cheiros (salsa, louro, tomilho)

água

1 cálice de vinho do porto

sal

1 cebola picada

2 dentes de alho picados

fio de azeite

250 gr toucinho/bacon aos cubinhos (prefiro o toucinho bem curado/carne mais escura)

arroz agulha (a quantidade é calculada conforme o nº de pessoas, geralmente são 40/50 gr px em cru)

 

 

Preparação:

 

§ Começar por cozer o pato. Para isso lava-se os citrinos e cortam-se os dois às rodelas. Espetam-se os cravinhos no pato. Coloca-se o vinho do porto e a água até cobrir a ave, o pato, as rodelas da laranja e do limão, o ramo de cheiros e o sal ao lume. Geralmente leva 2 horas a cozer, conforme a envergadura do bicharoco. Eu faço na panela de pressão e assim reduzo significativamente o tempo de cozedura;

 

§ Após o pato estar cozido, deixa-se arrefecer (cá em casa geralmente cozo o pato à noite para fazer a refeição para o dia seguinte, portanto fica a arrefecer durante a noite), de seguida desfia-se a ave, descartando a pele e os ossos. Coa-se a água da cozedura e reserva-se o pato e a água já coada;

 

Quero só chamar a atenção que geralmente a água da cozedura do pato é mais do que suficiente para este arroz, portanto à água que sobra costumo guardar para um próximo arroz mais perfumado, para servir por exemplo com uma carne assada. Se acharem que não vão aproveitar esta água nos próximos dias, congelem.

 

§ Num tacho deita-se o azeite juntamente com a cebola, os dentes de alho e os cubinhos do toucinho. Refoga-se até a cebola ficar transparente e o toucinho ligeiramente crocante;

 

§ Adiciona-se o pato desfiado e o arroz, mexe-se até envolver no refogado e deixa-se fritar o arroz até ficar translúcido;

 

§ De seguida adiciona-se a água aromática reservada/coada e deixa-se cozinhar o arroz em lume brando até evaporar (cá por casa fica um arroz molhadinho). 

 

DSC09832.JPG

 

Esta é a minha maneira de fazer o arroz de pato também no forno. No final da etapa do tacho, ponho tudo num tabuleiro de ir ao forno e por cima um chouriço às rodelas e vai ao forno até alourar (muito de preferência).